A gastronomia japonesa, além de saborosa, é culturalmente atenta a ingredientes de qualidade nutricional e que possuem benefício à saúde como o salmão, gergelim, algas, gengibre, entre outros, sendo também preparada com poucas calorias.

O hábito de consumo da comida tipicamente japonesa está crescendo e sendo cada vez mais apreciado pelos brasileiros, fazendo com que esse tipo de comida que nutre e, ao mesmo tempo, gera satisfação, seja uma boa opção para aqueles que buscam um cardápio mais aprimorado.

Veja 5 benefícios da culinária japonesa para uma dieta saudável:


  • 1- Ação antioxidante:
    A planta Camellia Sinensis origina o chá verde, branco e vermelho, muito consumidos pelos japoneses. Tal planta possui uma boa quantidade de catequinas, que são compostos fitoquímicos da planta que auxiliam na eliminação de toxinas.


  • 2- Rica em proteínas:
    A culinária japonesa é rica em soja, porém, sempre após a fermentação (no molho de soja, shoyu, tofu, missô). A soja é uma boa fonte de proteína e, além disso, auxilia na redução de compostos anti-nutricionais.


  • 3- Fácil digestão:
    O uso de condimentos picantes, como o gengibre e o wasabi, estimula a digestão principalmente quando consumidos junto ao peixe cru.


  • 4- Favorece o emagrecimento:
    A comida japonesa é rica em vitaminas e minerais que ajudam a acelerar o metabolismo e, por consequência, favorecem a perda de peso. As algas também são excelentes fontes de iodo, que é eficiente para pacientes com hipotireoidismo.


  • 5- Melhora a saúde cardiovascular:
    Os peixes, muito presentes na culinária japonesa, são ricos em ômega 3, um ácido-graxo essencial para manter o nosso coração saudável e livre de doenças como derrame, AVC e infarto, por exemplo. Essa substância também ajuda a otimizar as funções cerebrais, prevenindo doenças como o Mal de Alzheimer e melhorando a memória e concentração.


É importante dizer, contudo, que a comida japonesa no Brasil acaba sofrendo grandes modificações e não sendo preparada de modo tradicional. Por isso, é comum que ingredientes como cream cheese sejam adicionados e que elas sejam preparadas em versões fritas, o que não é indicado. Além disso, o consumo excessivo não é indicado, já que toda dieta deve ser balanceada, e o consumo de peixe cru em grandes quantidades e várias vezes por semana pode ser prejudicial por diversos fatores anti-nutricionais.



Fonte de conteúdo: Conquiste sua vida

Fonte de imagem: Google