Já se tem conhecimento de inúmeras substâncias que são tóxicas para o nosso organismo em alimentos comuns e, diante disso, é complicado saber se a comida que consumimos é realmente segura e saudável.

Ainda que o consumo de substâncias tóxicas em alimentos seja em quantidade mínima, alguns especialistas afirmam que esses compostos são capazes de causar grandes danos à nossa saúde, que geralmente aparecem ao longo dos anos.

Conheça 7 substâncias tóxicas presentes em alguns alimentos e que merecem sua atenção:


  • 1- Olestra
    Também conhecida com olean, é uma substância que substitui gorduras e não possui calorias, colesterol ou triglicérides. É bastante usada para dar sabor a salgadinhos e outros produtos industrializados. Contudo, descobriu-se que a olestra pode causar doenças gastrointestinais e dificultar a absorção de vitaminas solúveis e caretones, que têm papel fundamental para a saúde.


  • 2- Óleo vegetal bromado
    Essa substância atua como emulsificante para melhorar o sabor de bebidas esportivas e refrigerantes. Ao ser ingerido em grandes quantidades, esse tipo de óleo pode causar doenças da tireoide, doenças autoimunes e até câncer.


  • 3- Azodicarbonamida
    É uma substância química sintética usada principalmente nos Estados Unidos para branquear e refinar a farinha, estando presente em alimentos como pães e biscoitos, alimentos congelados e molhos prontos para massa. O contato com essa substância pode causar asma, entre outras doenças do sistema respiratório humano. Em muitos países o uso dessa substância é proibido e pode até resultar em prisão.


  • 4- Hormônios sintéticos
    Muitos dos laticínios consumidos atualmente têm resquícios de hormônios aplicados nas vacas para potencializar sua produção de leite. Entre esses hormônios podemos citar o rbGH e rbST. Após ser processado, o leite vem cheio de IGF-1, um fator que influencia no crescimento da insulina e está associado ao desenvolvimento de vários tipos de câncer e enfermidades crônicas.


  • 5- Sal
    O excesso de sal também um grande causador de problemas de saúde, ainda que ele seja necessário para o desempenho de vários processos do corpo quando em pequenas quantidades. O excesso de sal está relacionado à hipertensão, retenção de líquidos e várias influências inflamatórias.


  • 6- Nitritos e nitratos de sódio
    São substâncias são usadas como conservantes de carnes, salsichas, mortadela, toicinho, embutidos e etc. Sua ingestão pode aumentar o risco de câncer de cólon e síndrome metabólica.


  • 7- BHA e BHT
    São aditivos derivados do petróleo e também são utilizados como conservantes. Segundo o Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos, o BHA pode ser cancerígeno quando se acumula em excesso no organismo. Essas substâncias podem estar presentes em cereais, chicletes e manteiga.


Para manter uma alimentação saudável e diminuir o risco de desenvolvimento de doenças, além de ter bons hábitos alimentares, é muito importante também desenvolver o hábito de leitura dos rótulos de alimentos para sabermos exatamente as substâncias presentes naquilo que consumimos.


Fonte de imagem e conteúdo: Melhor com saúde